Caixa quer expandir seu atendimento no 2º semestre de 2021

Plano prevê a abertura de 268 novas agências em todo o Brasil

Até o final de 2021, a Caixa Econômica Federal tem planos de ampliar o atendimento e abrir outras 268 agências em todo o país. Ao todo, serão 168 unidades com foco no varejo e mais 100 destinadas ao agronegócio. De acordo com Pedro Guimarães, presidente da CEF, durante evento online, a abertura de cerca de 46 agências previstas em cidades cuja a população varie entre 20 e 40 mil habitantes está atrelada à transferência da movimentação financeiras realizadas por prefeituras para o banco.
 

“A maioria [das agências] já decidimos e estão em andamento, mas algumas só poderão ser abertas se tivermos todas as condições negociais. É muito importante que as prefeituras transfiram os negócios para a Caixa, é um ponto que estaremos cobrando nos próximos meses”, explicou Guimarães.
 

No entanto, a condição imposta pelo banco às prefeituras ocorre somente em regiões que não reúnem condições financeiras para a implantação de novas unidades. Entre as exigências da Caixa estão a cessão não onerosa de espaço físico para a agência, a transferência da folha de pagamento do município para a Caixa, bem como a centralização de convênios e a arrecadação e cobrança dos tributos.

 

Saiba mais